Sábado
23 de Fevereiro de 2019 - 

Acompanhar Processos

Cliente, insira seu e-mail e senha para ter acesso a informações de seu Processo

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .
NASDAQ 0,02% . . . .

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,74 3,74
EURO 4,24 4,25

Previsão do tempo

Hoje - Curitiba, PR

Máx
30ºC
Min
19ºC
Poss. de Panc. de Ch

Domingo - Curitiba, PR

Máx
31ºC
Min
20ºC
Pancadas de Chuva a

Segunda-feira - Curitiba, PR

Máx
28ºC
Min
21ºC
Pancadas de Chuva

Terça-feira - Curitiba, PR

Máx
22ºC
Min
16ºC
Pancadas de Chuva

Hoje - Campo Mourão, PR

Máx
31ºC
Min
22ºC
Poss. de Panc. de Ch

Domingo - Campo Mourão, PR

Máx
31ºC
Min
23ºC
Pancadas de Chuva a

Segunda-feira - Campo Mourão, PR

Máx
31ºC
Min
23ºC
Pancadas de Chuva

Terça-feira - Campo Mourão, PR

Máx
26ºC
Min
21ºC
Pancadas de Chuva

Hoje - Maringá, PR

Máx
31ºC
Min
22ºC
Poss. de Panc. de Ch

Domingo - Maringá, PR

Máx
32ºC
Min
23ºC
Pancadas de Chuva a

Segunda-feira - Maringá, PR

Máx
33ºC
Min
24ºC
Pancadas de Chuva

Terça-feira - Maringá, PR

Máx
28ºC
Min
22ºC
Pancadas de Chuva

Notícias

Newsletter

Cadastre aqui se deseja receber informações periódicas sobre nossas atividades.

Contato

Avenida Advogado Horácio Raccanello Filho 6326 Sala 05
Novo Centro
CEP: 87020-035
Maringá / PR
+55 (44) 8805-5442+55 (44) 3029-9373

TJPR sequestra valores do Município de Rio Branco do Sul

TJPR sequestra valores do Município de Rio Branco do Sul O sequestro se deu em virtude da existência de precatórios não quitados, através do BACENJUDSex, 08 Fev 2019 16:03:00 -0200 A Presidência do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná (TJPR) efetuou sequestro de valores do Município de Rio Branco do Sul para o pagamento de precatórios não quitados. Trata-se de procedimento de sequestro de verbas públicas em desfavor do município, que deixou de pagar as retenções previstas no Termo de Ajuste de Pagamento assinado em junho de 2018, para que fosse debitado do Fundo de Participação dos Municípios parcelas mensais para quitação dos precatórios até 31 de dezembro de 2024, data limite, conforme artigo 101 do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias. O Banco do Brasil comunicou tentativas não concretizadas de cobrança nos meses de agosto e setembro de 2018, o que fez com que fosse instaurado o procedimento de sequestro de verbas em desfavor do Município. Após o trâmite regular do procedimento e novas comunicações quanto à impossibilidade de cumprimento do acordo, foi determinado o bloqueio, via BACENJUD, do valor total de R$ 1.494.395,60 (um milhão, quatrocentos e noventa e quatro mil, trezentos e noventa e cinco reais e sessenta centavos), efetivado esta semana. Com a medida, foi quitada a dívida do Município do ano de 2018 e retomado os termos do acordo entabulado.  
08/02/2019 (00:00)
Visitas no site:  407155
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.